generic.php - 477
INSERT INTO registre (sesion_name,sid,ip,action,id_admin,data,vars) VALUES('index.php','3je0u50sadlnsvvmvgfv6eaod7','44.210.21.70','page','','1660952063','#id=211#idioma=BR')
Incorrect integer value: '' for column `neurofar_br`.`registre`.`id_admin` at row 1
generic.php - 510
INSERT INTO registre_estadistic (sid,ip,id_user,id_admin,data,tipus,subtipus,id_tipus,altres,id_idioma) VALUES('3je0u50sadlnsvvmvgfv6eaod7','44.210.21.70','','','1660952063','ITEM_CLICK','','211','','BR')
Incorrect integer value: '' for column `neurofar_br`.`registre_estadistic`.`id_user` at row 1
Neurofarmagen
LINHAS DE ANÁLISE: Neurofarmagen TDAH  |  NEUROFARMAGEN CORE
Neurofarmagen TDAH

O TDAH é um transtorno complexo com um forte componente genético com uma base poligênica onde a contribuição aditiva de vários genes pode intervir junto com os fatores ambientais.

Neurofarmagen TDAH é uma análise genética que reúne informação dos principais genes implicados no TDAH:

1 Suscetibilidade Gene associado ao risco de aparecimento de TDAH. Implicado na origem da enfermidade.

2 Farmacogenética Genes relacionados com a efetividade e segurança dos fármacos comumente utilizados no tratamento de TDAH. Informação que servirá para determinar a eficácia de metilfenidato e a segurança da atomoxetina.

3 Comorbidade Genes associados ao desenvolvimento de problemas que sucedem com frequência em pacientes com TDAH (abuso de opiáceos e álcool) e conduta antissocial.

Neurofarmagen TDAH pode ser de utilidade nos seguintes casos:

  • Famílias relutantes a medicação ou que não aceitam a patologia.
  • Diagnósticos duvidosos.
  • Confirmar suscetibilidade em outros componentes da família.
  • Pacientes adultos não diagnosticados.
  • Pacientes que não respondem ao metilfenidato.
  • Averiguar o risco do aparecimento de comorbidades (abuso de opiáceos e álcool) e conduta antissocial.
"Investigações levadas a fim nas ultimas décadas tem mostrado que a resposta aos medicamentos pode estar condicionada até em 85% por fatores genéticos, em função do fármaco que se considere. Somos distintos desde o ponto de vista genético e essas diferenças contribuem a que cada pessoa responda aos fármacos de forma diferente."
Informe-se

Contate conosco e resolveremos todas suas dúvidas sobre Neurofarmagen e como poderia ajudar no seu caso.

Preencha o formulário de contato